Da série “Como eles conseguem?” Passagem do ônibus em Araucária cai pra R$ 1,95 a partir da semana que vem.

 Da série “Como eles conseguem?” Passagem do ônibus em Araucária cai pra R$ 1,95 a partir da semana que vem.

Secretaria Municipal de Planejamento (SMPL) afirma que nova redução não influenciará nos benefícios já concedidos aos usuários do TRIAR, como isenções e integração. Foto: Marco Charneski
O prefeito Hissam Hussein Dehaini (Cidadania) deve assinar ainda esta semana o decreto reduzindo o valor da passagem em todas as linhas de ônibus do sistema TRIAR.

Com isso, a tarifa cai dos atuais R$ 2,20 para R$ 1,95. A expectativa é que a redução valha já a partir da próxima segunda-feira. É preciso, no entanto, aguardar a confirmação da publicação do decreto em Diário Oficial e a implantação do novo valor no sistema de bilhetagem dos ônibus do TRIAR.

Esta será a quinta redução consecutiva no valor da tarifa do TRIAR desde o ano de 2018. Até então, a tarifa em Araucária acompanhava o degrau tarifário de Curitiba, que naquela oportunidade cobrava R$ 4,25 para transportar os passageiros em seu ônibus.

A primeira redução implantada pela gestão Hissam aconteceu em janeiro de 2018, quando a passagem deixou de ser R$ 4,25 e passou a ser de R$ 2,90. No ano seguinte, em abril de 2019, andar de Triarzão passou a custar apenas R$ 2,65. Em novembro do mesmo ano, novo desconto, com a tarifa indo para R$ 2,40. No último mês de janeiro a tarifa foi para R$ 2,20.
Secretaria Municipal de Planejamento (SMPL) afirma que nova redução não influenciará nos benefícios já concedidos aos usuários do TRIAR, como isenções e integração. Foto: Marco Charneski
O prefeito Hissam Hussein Dehaini (Cidadania) deve assinar ainda esta semana o decreto reduzindo o valor da passagem em todas as linhas de ônibus do sistema TRIAR.

Com praticamente 100% da frota zero km, os veículos tem wi-fi, rastreamento


Com isso, a tarifa cai dos atuais R$ 2,20 para R$ 1,95. A expectativa é que a redução valha já a partir da próxima segunda-feira. É preciso, no entanto, aguardar a confirmação da publicação do decreto em Diário Oficial e a implantação do novo valor no sistema de bilhetagem dos ônibus do TRIAR.

Esta será a quinta redução consecutiva no valor da tarifa do TRIAR desde o ano de 2018. Até então, a tarifa em Araucária acompanhava o degrau tarifário de Curitiba, que naquela oportunidade cobrava R$ 4,25 para transportar os passageiros em seu ônibus.

A primeira redução implantada pela gestão Hissam aconteceu em janeiro de 2018, quando a passagem deixou de ser R$ 4,25 e passou a ser de R$ 2,90. No ano seguinte, em abril de 2019, andar de Triarzão passou a custar apenas R$ 2,65. Em novembro do mesmo ano, novo desconto, com a tarifa indo para R$ 2,40. No último mês de janeiro a tarifa foi para R$ 2,20.

Em suas andanças pela cidade, Hissam tem dito que essa nova redução é fruto das novas operadoras do transporte coletivo, já que o custo do quilômetro rodado que vem sendo pago as três empresas é menor do que se pagava à antiga concessionária. O prefeito também tem ressaltado a importância da Câmara de Vereadores na implantação desta política pública, que privilegia a faixa da população que mais precisa do Estado. “Graças a nossa base na Câmara, temos conseguido importantes avanços. Tenho tido o apoio deles, seja abrindo mão de parte do orçamento do Legislativo, seja priorizando a análise e votação de projetos que vão resultar em benefício para a população. Hoje temos uma base na Câmara que assim como nossa gestão, pensa em quem mais precisa da Prefeitura”, analisou.

O secretário de Planejamento, Samuel Almeida da Silva, explica que a implantação da nova tarifa será feita com a manutenção de todos os benefícios que já existem para os usuários do transporte coletivo municipal. “A integração com Curitiba continua, as isenções continuam, a tarifa domingueira também. E o passageiro ainda vai poder aproveitar essa tarifa mais barata andando numa frota que é 60% composta de ônibus novos”, destaca.